A utilização do método Pilates no tratamento de escoliose idiopática com pequenos graus de curvatura: uma revisão literária

  • Fabricia Shirley de Oliveira Rodrigues Vasconcelos ATLA

Resumo

O Método Pilates que foi idealizado pelo alemão Joseph Hubertus Pilates (1880-1967) durante a Primeira Guerra Mundial, inicialmente denominado “Contrologia”, base-se em princípios relacionados às noções de concentração, equilíbrio, percepção, controle corporal, flexibilidade, força e tônus muscular; utilizado hoje para ajudar a amezinhar Escoliose Idiopática. O objetivo deste trabalho é analisar, através de revisões de artigos, se o Método Pilates pode ajudar a amezinhar escolioses idiopáticas com pequenos graus de curvaturas. As pesquisas de caráter de revisões bibliográficas, e estudos de casos e consultas de materiais já publicados por autores que estudaram temas direcionados.  Embora seja evidente a realização de novas pesquisas na área e, com maior quantidade de amostras, o Método Pilates é uma ferramenta comprovadamente útil na reabilitação, melhora na função e na dor causada pela escoliose.

Palavras-chave: Coluna Vertebral; Escoliose; Exercícios Físicos; Método Pilates.

Biografia do Autor

Fabricia Shirley de Oliveira Rodrigues Vasconcelos, ATLA

Educadora Física pela FG – PE. especializada no Método Pilates pela Polestar Pilates Education e Metacorpus. Jaboatão dos Guararapes – PE. Acadêmica efetiva e fundadora da ATLA.

Publicado
2019-09-29
Como Citar
Vasconcelos, F. S. de O. R. (2019). A utilização do método Pilates no tratamento de escoliose idiopática com pequenos graus de curvatura: uma revisão literária. Diversitas Journal, 4(3), 800-809. https://doi.org/10.17648/diversitas-journal-v4i3.916