Resistencia da Bemisia tabaci Genn. (Hemiptera: Aleyrodidae) em duas variedades de tomateiro (Solanum licopersycum L., Lolanaceae)

  • Tamara Taís dos Santos Universidade Federal de Alagoas
  • Aleyres Bispo Chagas Universidade Federal de Alagoas
  • Joice Kessia Barbosa dos Santos Universidade Federal de Alagoas
  • Eliane dos Santos Universidade Federal de Alagoas
  • Diego Jorge da Silva Universidade Federal de Alagoas
  • Rubens Pessoa de Barros Universidade Estadual de Alagoas

Resumo

RESUMO: O tomateiro é uma das principais culturas afetadas pela Bemisia tabaci (Hemipetra: Aleyrodide), causando danos e doenças. Essa praga é responsável por grandes perdas nesta cultura e também em casa de vegetação. Moscas brancas são pragas de diversas culturas, que causam redução na produção e na qualidade dos frutos. Dessa forma, objetivou-se com esse trabalho conhecer a influência da mosca branca Bemisia tabaci (Gennadius) na resistência de duas variedades de tomateiro (Santa clara e carolina) em dois ambientes.O trabalho foi conduzido, em casa de vegetação na Universidade Estadual de Alagoas - UNEAL, Campus I na cidade de Arapiraca AL. O período da pesquisa foi de agosto de 2017 a julho de 2018. A montagem do experimento se deu em duas variedades de tomateiro, Carolina e Santa clara distribuídas em vasos com capacidade de 5 kg, o delineamento experimental foi o inteiramente casualizado com dez repetições. Valores mais heterogêneos e com maior dispersão foram obtidos em relação ao número de ninfas nas duas variedades, na Carolina densidade padrão (16,83±11,90), na variedade Santa clara densidade padrão (97,84±69,19). Desta forma, pode concluir que a variedade Carolina mostrou uma maior resistência à dinâmica populacional de moscas brancas no desenvolvimento vegetativo e reprodutivo representadas pelos dados encontrados.

PALAVRAS CHAVE: Carolina, Santa clara, população.

Publicado
2020-04-06
Como Citar
Santos, T. T. dos, Chagas, A. B., Santos, J. K. B. dos, Santos, E. dos, Silva, D. J. da, & Barros, R. P. de. (2020). Resistencia da Bemisia tabaci Genn. (Hemiptera: Aleyrodidae) em duas variedades de tomateiro (Solanum licopersycum L., Lolanaceae). Diversitas Journal, 5(2), 739-753. https://doi.org/10.17648/diversitas-journal-v5i2-827