O setor de produtos de informática, eletrônicos e ópticos: uma perspectiva a partir do cenário econômico

Resumo

RESUMO: É de suma importância que façamos análises que contribuam para uma maior compreensão da nossa economia doméstica. Nesse sentido, o presente trabalho tem por objetivo principal visar o setor de fabricação de equipamentos de informática, produtos eletrônicos e óptico para entender o comportamento e trajetória dele na economia brasileira nos últimos dez anos. Para isso, são utilizados alguns indicadores a partir dos microdados coletados na Pesquisa Industrial Anual - PIA - com intenção de traçarmos as características e tendências fundamentais da divisão ao longo dos anos. O referencial teórico propõe a inovação e progresso tecnológico como motor para o avanço do setor, visita brevemente a introdução da indústria de informática no Brasil e as políticas realizadas com propósito de alavancar a divisão. Além disso, estão sendo comparados os resultados do setor 26 com os obtidos pela indústria de transformação. Trazemos, portanto, uma aparente desaceleração da divisão, constatando-se com base no impacto negativo das conturbações políticas e econômicas que ocorreram na década analisada. Elas são evidenciadas pela redução do número de empresas registradas e no pessoal ocupado, no aumento dos estoques e nos custos incorridos no setor. Por fim, destaca-se a geração de renda a nível dos grupos analisados que ficou sob a responsabilidade sobretudo do desempenho obtido pelos equipamentos e materiais relativos à saúde, os quais têm maior complexidade tecnológica e grau mais elevado de agregação de valor.

PALAVRAS-CHAVE: setor eletrônico, setor 26, desempenho industrial e indústria de transformação.

Publicado
2021-01-30
Como Citar
Oliveira, A. F. S. de, Silva, B. K. da, Silva, J. M., & Paula, J. S. de. (2021). O setor de produtos de informática, eletrônicos e ópticos: uma perspectiva a partir do cenário econômico. Diversitas Journal, 6(1), 1195-1219. https://doi.org/10.17648/diversitas-journal-v6i1-1492
Seção
Economia, Administração e Desenvolvimento Rural