Geração de Filmes de Titânia meso-macroporosa por Modelagem de Esferas de Látex

Resumo

RESUMO: Este artigo trata da síntese e formação de filmes de titânia meso-macroporosa por meio da modelagem de esferas de látex. A infiltração do molde por solução precursora de titânia resultou em filmes compactos que geraram uma rede de poros invertida decorrente da remoção do molde como foi observado por medidas de Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV). O objetivo deste  trabalho consiste em analisar a deposição de esferas de látex em substratos de vidro e eventual infiltração por solução precursora de titânia mesoporosa. O produto final foi filmes compactos com porosidade na escala micrométrica definida pelas esferas de látex. A síntese das esferas de látex realizou-se na ausência de N2 e a solução precursora de titânia foi obtida a partir do sistema ternário: HCl/P-123/1 Butanol.  A caracterização dos filmes por MEV realizou-se após a remoção dos moldes de esferas de látex por calcinação em um forno tubular. A aparência dos filmes foi compacta para o filme de 30% V/Vo e houve uma rede de poros bem definida observada na caracterização por MEV associada à presença das esferas de látex que se auto-estruturaram pela técnica de Evaporação Controlada de Solvente (ECS).  A caracterização da superfície por MEV mostrou que esferas de látex depositam em substratos vítreos e formaram uma rede de poros que poderia ser aplicada em dispositivos funcionais como: células solares, catalisadores e baterias. Há necessidade de diminuir a concentração da dispersão para formar filmes com monocamadas homogêneas que se tornem transparentes à luz visível.

PALAVRAS-CHAVE: Nanotecnologia, óxido semicondutor, materiais auto-estruturados.

Biografia do Autor

Djalma de Albuquerque Barros Filho, Instituto Federal de Alagoas

Possui graduação em Física pelo Instituto de Física e Química de São Carlos da Universidade de São Paulo (1990), mestrado em Física pelo Instituto de Física e Química de São Carlos da Universidade de São Paulo (1992) e doutorado em Físico-Química pelo Instituto de Física e Química de São Carlos da Universidade de São Paulo (1997). Pós-Doutorado pela Universidade de Toronto em 1999 e Pós-Doutorado pela UNESP em 2001. Participou como pesquisador na Universidade Bandeirante de São Paulo como membro do corpo docente do Mestrado Profissional de Biomateriais da UNIBAN Brasil até 2012.Tem experiência na área de Física, com ênfase em Físico-Química, atuando principalmente nos seguintes temas: sol-gel, materiais óxidos, modelagem química, cristais fotônicos e fotoeletroquímica. Atualmente, é professor do Instituto Federal de Alagoas Campus Maceió com Dedicação Exclusiva atuando na orientação de bolsistas de iniciação científica e focado no desenvolvimento de modelagem de titânia meso-macroporosa a ser aplicada em biomateriais, células solares e dessalinização dos oceanos.

Publicado
2021-01-30
Como Citar
Moreira, W. M., Cavalcante, G. C., Freitas, J. D. de, Sousa, J. dos S., Freitas, A. J. D. de, & Barros Filho, D. de A. (2021). Geração de Filmes de Titânia meso-macroporosa por Modelagem de Esferas de Látex. Diversitas Journal, 6(1), 836-847. https://doi.org/10.17648/diversitas-journal-v6i1-1488