Caracterização epidemiológica e análise temporal da Covid-19 em uma cidade do Sertão alagoano

Resumo

RESUMO: A Covid-19 considerada pela OMS como uma pandemia, atingiu recentemente diversos países, inclusive o Brasil o qual é considerado o segundo país do mundo com o maior número de casos e mortes. O estudo objetiva realizar uma caracterização epidemiológica dos casos, entre os meses de maio, junho e julho de 2020, na cidade de Santana do Ipanema, Alagoas. Realizando um estudo descritivo e de séries temporais semanais, selecionando um período de 14 semanas, considerando a disponibilidade de dados desde o início da ocorrência da transmissão do vírus no município, até os casos mais recentes disponíveis. Dito isso, no período de 01 de maio a 30 de julho, foram notificados 834 casos ativos. Indivíduos do sexo feminino foram os mais afetados, onde se mantiveram acima de 50% do número de casos em cada mês. O público correspondente à faixa etária de 20 a 39 e 40 a 59 foram os mais acometidos pela doença no município. O tipo de teste mais utilizado para a detecção do vírus foi o teste rápido, seguido do RT-PCR. Assim, pôde-se observar as características epidemiológicas, os sintomas mais recorrentes da doença, a evolução do número de casos e como se comportou a taxa de prevalência da covid-19 no município. Facilitando assim, a realização de campanhas de conscientização mais incisivas e ações por parte das autoridades mais eficazes, visando a diminuição do número de casos.

PALAVRAS-CHAVES:  Alagoas,, Pandemia, Série Temporal, Vírus.

Publicado
2021-01-27
Como Citar
Silva, G. I. L. da, Bispo, M. R. S., Lima, P. D., Ramos, R. E. S., Paz, W. S. da, & Santos, I. G. de A. (2021). Caracterização epidemiológica e análise temporal da Covid-19 em uma cidade do Sertão alagoano. Diversitas Journal, 6(1), 460-480. https://doi.org/10.17648/diversitas-journal-v6i1-1466