Desastres tecnológicos e ambientais na Comunidade Bom Futuro, Barcarena (PA): uma análise regressiva dos impactos

Resumo

RESUMO: O Município de Barcarena (PA) tem sido historicamente impactado por desastres tecnológicos e ambientais, os quais têm gerado impactos significativos na região. No início de 2018, ocorreu no município o transbordamento da bacia de rejeitos de uma mineradora, que afetou diretamente o ambiente e a qualidade de vida da população local. Diante disso, objetivou-se identificar e avaliar os impactos relacionados às situações socioeconômica e ambiental da comunidade Bom Futuro, em Barcarena, antes e após os últimos desastres ocorridos. Metodologicamente, a pesquisa foi realizada por meio de um formulário de caráter avaliativo que buscou realizar uma Análise Regressiva Socioeconômica e Ambiental (SEA), entre 2015 e 2016, acerca dos impactos gerados pelos últimos desastres ocorridos na comunidade. Entre os resultados, constatou-se que na dimensão socioeconômica houve uma queda na maioria dos atributos e na dimensão recursos naturais e ambiente foi verificada alta contaminação e desequilíbrio ecológico. Quanto à dimensão empoderamento, foi observado que a organização civil forte no passado vem enfraquecendo e nem os acidentes sucessivos conseguiram unir os membros da localidade para lutar ativamente por seus direitos. No tocante à dimensão políticas públicas, evidenciou-se um diminuto retrocesso, pois apenas algumas demandas sociais foram atendidas.     

PALAVRAS-CHAVE: Bacia de Rejeitos, Ambiente, Situação socioeconômica.

Biografia do Autor

Flavio Henrique Souza Lobato, UFPA

Mestrando em Planejamento do Desenvolvimento no Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido (PPGDSTU), pertencente ao Núcleo de Altos Estudos Amazônicos (NAEA) da Universidade Federal do Pará (UFPA). Especialista em Geografia e Meio Ambiente pela UFPA (2019). Possui Graduação em Bacharelado em Turismo pela UFPA (2016), com período sanduíche na Universidade de Coimbra (UC), no curso de Licenciatura em Turismo, Lazer e Patrimônio (2015).

Herbert Emanoel Freitas Dantas, Universidade Federal do Pará (UFPA)

Graduado em Licenciatura em Geografia (IFPA). Especialista em Geografia e Meio Ambiente (UFPA)

Gabriela Marina Silva Trindade, Universidade Federal do Pará (UFPA)

Graduada em Bacharelado Química Industrial (UFPA) e Licenciada em Ciências Naturais (UEPA). Especialista em Geografia e Meio Ambiente (UFPA)

Juliana Lopes de Oliveira, Universidade Federal do Pará (UFPA)

Tecnóloga em Saneamento Ambiental (IFPA) e Especialista em Geografia e Meio Ambiente (UFPA).

Mônica do Socorro Fonseca Sousa, Universidade Federal do Pará (UFPA)

Graduação em Ciências Biológicas (UNAMA). Especialista em Geografia e Meio Ambiente (UFPA)

Neila de Jesus Ribeiro Almeida, Universidade Federal do Pará (UFPA)

Graduação em Ciências Biológicas (UVA). Especialista em Geografia e Meio Ambiente (UFPA), Mestrado em Gestão de Recursos Naturais (NUMA) e Doutorado em Ecologia Aquática e Pesca (UFPA).

Publicado
2021-05-30
Como Citar
Lobato, F. H. S., Dantas, H. E. F., Trindade, G. M. S., Oliveira, J. L. de, Sousa, M. do S. F., & Almeida, N. de J. R. (2021). Desastres tecnológicos e ambientais na Comunidade Bom Futuro, Barcarena (PA): uma análise regressiva dos impactos. Diversitas Journal, 6(2), 2040-2057. https://doi.org/10.17648/diversitas-journal-v6i2-1435