Impactos ambientais macroscópicos e qualidade da água em nascentes localizadas na Vila Bananeira, Arapiraca-AL

Resumo

RESUMO: O crescimento populacional vem acompanhado de uma constante degradação do meio ambiente, colocando em risco o equilíbrio ecológico de diversos ecossistemas afetando, direta ou indiretamente, muitas nascentes. Nascentes são sistemas ambientais importantes para a manutenção do equilíbrio hidrológico e são as principais fontes de água para um rio. Nesse contexto, e considerando que a água é um recurso natural imprescindível para diversas atividades humanas, objetivou-se, com este estudo, avaliar o grau de conservação de nascentes localizadas na Vila Bananeira, Arapiraca-AL, através do Índice de Impacto Ambiental em Nascentes (IIAN), assim como averiguar a qualidade da água proveniente dessas nascentes por meio da análise de alguns parâmetros físico-químicos e microbiológicos nas amostras coletadas. O estudo foi realizado nos meses de Janeiro e Fevereiro de 2020 e dividido em duas etapas. A primeira consistiu em um trabalho de campo com a observação dos parâmetros macroscópicos, para determinação do IIAN. Sete nascentes foram avaliadas. Na segunda etapa, análises laboratoriais foram realizadas para determinação da qualidade da água das nascentes em estudo. Amostras das três nascentes que apresentavam maior volume de água foram encaminhadas aos laboratórios da UFAL/ Campus Arapiraca. Parâmetros físico-químicos como: pH, turbidez e condutividade foram determinados utilizando-se aparelhos específicos para este fim. Também foram realizados testes microbiológicos para averiguar a presença de bactérias do grupo coliformes. Para a análise microbiológica, utilizou-se a técnica dos tubos múltiplos. Após as análises, constatou-se que seis nascentes apresentavam grau de conservação razoável (classe C) e uma delas, a nascente denominada “A”, grau de conservação ruim (classe D). Os valores de pH encontrados estavam ligeiramente abaixo daquele exigido pela legislação, mas foram classificados como satisfatórios para consumo humano. Os valores de turbidez estavam dentro da normalidade, considerando os valores de referência apontados pela legislação. Os valores de condutividade encontrados foram: 304,9; 302,1 e 355,8 µS/cm para as nascentes “A”, “B” e “C”, respectivamente. Quanto aos resultados microbiológicos, somente a nascente “A” apresentou contaminação por coliformes fecais. Os resultados encontrados nesta pesquisa, tanto quanto ao grau de conservação da nascente “A”, considerado ruim, como os achados microbiológicos, são preocupantes, dada a importância dessa nascente para a comunidade local e circunvizinha, uma vez que se trata da principal fonte de água da região.

PALAVRAS-CHAVES: conservação, recursos hídricos, impactos sócio-ambiental.

Publicado
2021-01-27
Como Citar
Santos, D. R. C. da S., & Santos, V. C. dos. (2021). Impactos ambientais macroscópicos e qualidade da água em nascentes localizadas na Vila Bananeira, Arapiraca-AL. Diversitas Journal, 6(1), 481-498. https://doi.org/10.17648/diversitas-journal-v6i1-1181