As diversas faces da Economia Solidária: entraves e desafios para manutenção de sua gênese

  • Fernando Camillo Santos Cano Mestrando em Geografia UNESP Rio Claro

Resumo

A presente pesquisa objetivou compreender os entraves e os desafios para manutenção da gênese da Economia Solidária (ES). Dessa forma, foi realizada uma revisão bibliográfica e posterior análise, para caracterizar o cenário enfrentado pelos empreendimentos, bem como, os fatores e motivações que permitem que seus membros os sustentem apesar das dificuldades. Os obstáculos variam de acordo com os alguns fatores, quais sejam: conscientização dos consumidores, competição e concorrência, falta de geração de renda, infraestrutura precária, qualificação profissional e recursos tecnológicos escassos. A ES funciona através de decisões horizontalizadas que pressupõem um maior tempo para uma determinação ser democraticamente resolvida. Assim sendo, cabe destacar que surgem entraves da gestão à sua gênese. Portanto, faz-se necessário o presente debate para que esse modelo possível de organização social e econômica coloque-se como resistência em face ao neoliberalismo.

Publicado
2020-07-05
Como Citar
Cano, F. C. S. (2020). As diversas faces da Economia Solidária: entraves e desafios para manutenção de sua gênese. Diversitas Journal, 5(3), 1975-1987. https://doi.org/10.17648/diversitas-journal-v5i3-1153
Seção
Economia, Administração e Desenvolvimento Rural